Liz Vamp - Dia dos Vampiros

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Liz Marins (Liz Vamp) - A criadora do Dia dos Vampiros

Liz Marins é cineasta, atriz, apresentadora de TV e escritora, criadora e intérprete da personagem Liz Vamp, que é uma vampira multimídia e estreou oficialmente para o mundo em 2001.

Desde sua estreia, a personagem ficcional  Liz Vamp, que é uma vampira mutante, filha de uma vampira inglesa com o cultuado personagem brasileiro Zé do Caixão,  já foi materializada em histórias em quadrinhos, contos, teatro, TV e cinema.

Liz Marins trabalha na área artística desde criança. Ela é filha de dois importantes artistas brasileiros: a já falecida atriz e produtora teatral Maria Prado e o cineasta, ícone do cinema brasileiro de terror, José Mojica Marins, criador e intérprete do cultuado Zé do Caixão.
Os dois personagens têm relação consanguínea, entretanto, possuem sagas completamente distintas, condizentes com as inspirações e gostos pessoais dos criadores. E as carreiras dos cineastas são totalmente independentes.

Liz Marins produziu e dirigiu diversos curtas metragens. A maioria deles possui alguma fatalidade ou elemento do universo fantástico no contexto. Suas obras foram exibidas em vários e importantes festivais brasileiros e internacionais. Recebeu diversas menções honrosas pela sua importante contribuição às produções do gênero fantástico. Apesar de Liz ter uma carreira bem rica e eclética, que passa por vários tipos de manifestações artísticas, foi a personagem “Liz Vamp” e o misterioso universo vampírico, que a inspirou a criar uma “Data” e “Campanha Exótica”, que repercutiram fortemente além das fronteiras nacionais. 

Liz sempre teve o sonho de aliar a sua arte ao social, e viu em uma divertida inversão de valores, a maneira de fazer com que a ficção ajudasse a realidade tão carente de ações humanísticas e solidárias. Criou o “Dia dos Vampiros”, que tem sido comemorado no Brasil desde 13 de agosto de 2002, com uma inusitada campanha, onde pessoas se vestem de “vampiros” ou seres “fantásticos” e vão doar sangue, em meio a manifestações culturais, ecléticas e artísticas.  “O dia em que os vampiros doam, ao invés de sugar”.
 
A Campanha tem sido um sucesso desde sua criação. Em 23 de setembro de 2003, o Dia dos Vampiros  tornou-se lei na cidade e São Paulo, vitrine do Brasil. A Campanha já bateu o recorde em doações voluntárias de sangue do maior hemocentro da América Latina. Hoje, sua criação inspira várias pessoas mundo afora. Em 2011, até a Eslovênia (país vizinho da Transilvânia) comemorou o Dia dos Vampiros. Foi dentro do contexto de um importante Festival de cinema, o Grossmann Fantastic Film and Wine Festival e o convidado especial foi o astro, ícone internacional e eterno "Drácula", Sir Christopher Lee.

O Dia dos Vampiros possui três importantes causas:

Incentivo à Doação de Sangue
Luta contra Rótulos, Discriminações e Preconceitos de qualquer espécie 
Incentivo à Diversidade Artística

Liz continua produzindo, dirigindo e atuando em obras para cinema e televisão com assídua frequência. E sua personagem vem crescendo cada vez mais, inclusive, pelas mãos de  talentosos parceiros: romancistas, roteiristas e desenhistas. Além da realização e participação em obras artísticas e sociais, Liz Marins também ministra Workshops sobre as artes que domina, e também realiza bate-papos e palestras sobre a sua carreira e o cinema fantástico no Brasil e exterior. Entre outras entidades, Liz já se apresentou em SESIs, SESCs, em importantes empresas privadas, festivais de cinema nacionais e internacionais, eventos diversos e bibliotecas públicas, além de participar do Projeto “Pontos MIS” do MIS (Museu da Imagem e do Som), tendo realizado “bate-papos com a diretora” por mais de 50  cidades do interior paulista. 

Liz Vamp: lizvamp.cultura@gmail.com
 
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal